O que servir como opção de salgados na festa infantil?

| 31 out

A festa de aniversário do seu filho está chegando e ainda não sabe ao certo o que servir como opção de salgados?

Em dias em que a incidência de alergias e intolerâncias alimentares, bem como uma preocupação com um rotina alimentar infantil mais saudável tem ganhado cada vez mais força, a dúvida quanto ao que servir para agradar o paladar dos convidados realmente gera uma ansiedade, já que é necessário usar mais a criatividade para fugir dos tradicionais salgados fritos: coxinha, risoles, bolinho de queijo, quibe, entre outras deliciosas e tentadoras, mas nada saudáveis opções.

Mas esta não é a única dúvida, saber a quantidade exata do quanto servir para evitar desperdícios também é um cuidado necessário, principalmente para o bolso. Então, se você também está vivendo estes dilemas, acompanhe as dicas abaixo e veja o que servir como opção de salgados na festa infantil:

1 – O horário da festa determina quais e a quantidade de salgados servidos na festa

Se você já tem a lista de convidados, o local da festa, antes de saber o que servir, precisa determinar o horário da festa, pois será com base nisso que determinará os quitutes que serão servidos, bem como a quantidade deles.

Se a festa coincidir com o horário de almoço ou janta você pode optar por servir pequenas porções de refeições em cumbucas, uma opção deliciosa, bem versátil, criativa, além de mais nutritiva.

E o que servir nas cumbucas? Escondidinho, macarronada, estrogonofe, caldo (em noites mais fresquinhas), risotos, entre muitos outros, tendo o cuidado de fazer uma apresentação bem bonita, colorida e atraente especialmente às crianças.

No entanto, principalmente em festas infantis, não há como fugir completamente do trivial, então, antes de servir as mini refeições, faça umas três ou quatro rodadas de salgados, dando preferência aos assados, mas não se esquecendo que a coxinha ainda é preferência nacional.

Fonte: www.segredosdatiaemilia.com.br

2 – Como calcular a quantidade de salgados a servir?

Antes de fazer este cálculo, separe a lista de convidados por idade, considerando adultos e crianças até 10 anos. Se optar por servir somente salgados em uma festa com até 4 horas de duração, o cálculo deve ser de 12 unidades por pessoa (para facilitar o cálculo, considere 2 crianças 1 adulto). Mas, se optar por servir também as mini refeições ao longo da festa, reduza a quantidade de salgados servida por pessoa à metade – 6 unidades.

3 – Qual a variedade de salgados devo servir?

Na tentativa de agradar a todos os paladares pode-se correr o risco de exagerar na variedade, e portanto, na quantidade servida. Sendo assim, para não errar analise bem a predominância da idade dos convidados, pois serão eles que consumirão mais. Lembrando que quanto mais crianças mais deve ser a variedade de lanches rápidos e salgados, afinal elas estarão muito mais entretidas com as brincadeiras e escolherão algo prático para comer.

Mas, no geral, para festa infantil, considere ao menos 4 tipos de opções salgadas para compor o cardápio, contudo não ultrapasse 7 tipos diferentes, uma vez que na festa também serão servidos doces e bebidas, e você deve evitar o desperdício.

Fonte: cookdiary.net

4 – Quais salgados e lanches rápidos posso servir durante a festa infantil?

A variedade é enorme! Você pode optar por servir hamburguinho, cachorro-quente, minipizza, batata frita, pastéis, entre outros, nas versões tradicionais ou em versões mais saudáveis como hambúrguer (com salada) e salsicha de frango ou soja, batata assada ao invés de frita e minipizzas em massas mais leves.

Outras opções originalmente mais saudáveis são lanches naturais, pipocas, tapiocas, wraps, milho cozido, queijo muçarela em bolinha com orégano e azeite, queijo quente no palito, mas, mais uma vez, não se esqueça que sempre haverá aquele convidado que não abre mão de deliciar uma saborosa coxinha.

5 – Separe um tempo específico para as crianças comerem

Durante a festa, em meio às brincadeiras, as crianças se esquecem de comer e não é incomum ao chegarem em casa depois de horas de festa dizerem que estão com fome. Prevendo isso, determinem um período da festa, que pode ser o chamado piquenique usado em buffets, em que todas as crianças são convidadas a se sentarem juntas para a refeição.

Faça deste momento algo especial para atrair o maior número possível de crianças e estimule todas a experimentarem o cardápio servido.

6 – Garanta o sabor e a qualidade de cada opção do cardápio

O primeiro passo para garantir o sabor e a qualidade de cada opção do cardápio é experimentar. Caso opte por contratar um buffet, mesmo que ele seja indicação, sempre solicite uma degustação antes da contratação do cardápio.

Fonte: cookdiary.net

Conclusão

Sirva como opção de salgado o cardápio que irá agradar o paladar da idade predominante na festa; se forem crianças seja criativa na apresentação dos pratos, elas comem primeiro com os olhos. Mas, independente da idade dos convidados lembre-se que os salgados fritos serão sempre esperados.

Gostou destas dicas? Conte-nos o que achou, comente a sua experiência e deixe sua sugestão para os próximos temas.

Livi Carolina Curiosa, adora um bom papo, esposa, mãe da Antonela e jornalista.